Testemunhos

Escuta o que os professores têm a dizer sobre as suas experiências em sala de aula.


Darren McQuaid

Darren McQuaid

Saúde 6ºano, Geografia 7ºano, e História do Mundo Moderno, 8º ano, Coreia Kent Foreign School, Seul, Coreia do Sul

Quando o computador foi introduzido pela primeira vez na minha classe de 5ºano , pensei para comigo: "Que coisa inútil", e rapidamente a descartei. Obviamente, eu estava errado. Aprendi rapidamente a não descartar novas idéias sem pensar duas vezes sobre como elas poderiam afetar minha vida. Essa ideia ainda é válida hoje, quando eu olho para novas ideias que vão e vêm no campo da educação.

Gamificação e especificamente Classcraft tem sido uma daquelas ideias incríveis. Depois de ler sobre isso e discuti-lo com um colega, eu decidi entrar. A gamificação sempre esteve presente nas nossas salas de aula de alguma forma desde a infância, e a Classcraft leva a um novo nível.

Os meus alunos levaram o jogo imediatamente. A participação, embora sempre boa nas minhas aulas, realmente disparou, com crianças mais silenciosas a correrem a responder a perguntas ou saltar para proteger seus companheiros de equipa no caso de alguém perder a HP. Pequenos problemas de comportamento desapareceram lentamente, e as crianças realmente apreciaram os eventos diários e aleatoriedade do que apareceria no ecrân.

No geral, a Classcraft teve um efeito imenso na minha sala de aula. É uma maneira fácil de iniciar as aulas com o pé direito, e permite que as crianças trabalhem juntas e ajude a tomar decisões que possam beneficiar a equipa como um todo e não o indivíduo. A base do trabalho em equipa e a capacidade de simplesmente perceber que a educação pode ser divertida e gratificante, o que a Classcraft ajuda a construir, sem dúvida continuará a servir as crianças à medida que avançam no futuro.

Kevin Peoples

Kevin Peoples

Todos os assuntos, 5ºano, North Lakeland Elementary, Lakeland, Flórida, EUA

Eu descobri o Classcraft muito perto do final do ano letivo, e você pode pensar que seria uma desvantagem, mas na verdade foi realmente um bom momento. Muitas vezes, é difícil manter os alunos do 5º ano envolvidos mesmo quando as coisas são "normais", mas os últimos três dias de escola são ainda pior. Eles sabem que está quase a terminar, e eles começam a ficar preguiçosos ... até mesmo os estudantes de estrela! Eu apresentei aosmeus alunos a Classcraft com quatro dias restantes do ano letivo, e teve o efeito de um tiro de adrenalina.

Instantaneamente, eles se importaram de novo e queriam fazer bem porque o Sr. Peoples estava oferecendo XP quádruplo! O meu estudante tímido estava de repente dirigindo os seus colegas na estratégia e ajudando-os a escolher os seus personagens. A minha criança problemática era educada e atenta, mesmo dando elogios a outros alunos quando ganharam o XP. O resto do ano passou sem problemas, e até consegui fazer com que meus alunos me ajudassem a derrubar a sala em preparação para o verão. Tudo para um pouco de XP extra. Estou incrivelmente entusiasmado por começar o próximo ano letivo com a Classcraft.

Eu também tenho muito sucesso usando o Classcraft em casa com meus próprios filhos. A possibilidade de ganhar o XP e os novos poderes que ganharão privilégios e tratamentos tornou-se muito mais fácil mantê-los fora dos videojogos e da TV e para ler mais e se preocuparem mais em evitar a queda do verão. Além disso, dar ao meu filho um grande impulso do XP é definitivamente mais barato do que pagar-lhe para cortar a relva!

Joshua Ducharme

Joshua Ducharme

Matemática, Artes da Linguagem e Ciência, 5ºano, Alfabetização First Charter School, El Cajon, Califórnia, EUA

A Classcraft revolucionou minha sala de aula. A mecânica do jogo desempenha um papel importante no envolvimento dos alunos, tanto na sala de aula como fora da sala de aula. O jogo cria uma combinação perfeita de trabalho em equipa e colaboração dentro dos grupos / equipas, mas também fornece um elemento de motivação intrínseca para os indivíduos trabalharem árduamente para ganhar mais artes para seus avatares, subir de nível e ganhar mais poderes. Não posso dizer-lhe quantas vezes os meus alunos estavam discutindo entre eles sobre não esquecer os seus trabalhos de casa, estudar para testes e fazer a medida extra para completar alguns desafios que criei para eles ganharem XP extra.

Desde a minha implementação da Classcraft, meus alunos tiveram menos lembretes para manter a tarefa, uma maior taxa de trabalho completo e uma paixão renovada pela aprendizagem.

Scott Ilkenhons

Scott Ilkenhons

Engenharia Informática, Engenharia de Rede e Ciências da Computação AP, 9º-12ºano, Northern Guilford High School, Greensboro, Carolina do Norte, EUA

Eu tinha um aluno na minha engenharia de informática que estava lutando com a matéria. Como professora atenciosa, você faz tudo o que pode para os estudantes, mas eles ainda precisam beber muita água. E, como você sabe, os alunos que mais precisam dele não gostam de admitir que não sabem, pedem ajuda ou vêm para tutoria.

Depois que um jovem caiu numa batalha e causou dano de splash na sua festa pela segunda vez, eles se aproximaram dele e forçaram a tutoria de colegas nele. Ele estava destinado a um D; ele ganhou um B.

Alex Collard

Alex Collard

Inglês como segunda língua, 5º ano, École Secondaire St-Martin, Laval, Quebec, Canadá

Tenho estado perseguindo o Classcraft mais ou menos desde o início . Como um ex-gamer (eu tenho uma família agora, não tenho tempo para jogar ... por agora bwouah ah ah ah), a idéia foi tão atraente para mim, EUTIVE de usar e integrá-lo na minha sala de aula. Eu ensino Inglês para estudantes com dificuldades de aprendizagem, e eu tinha a certeza de que a iria iluminá-los também.

O jogo foi fácil de integrar, e depois de algumas semanas, tornou-se uma segunda natureza. Os alunos gostaram e ficaram realmente entusiasmados. Eles fizeram equipas de imediato, assinaram tudo e entraram nela num piscar de olhos! Eles gostaram da maior parte do jogo, como usar os poderes e ganhar pontos de experiência (XP). Os alunos estão sempre ansiosos para participar na aula para obter mais XP e ver o que acontece com o 'Evento do dia'. Isso trouxe muita positividade para a sala de aula, academicamente e socialmente. Agora é uma grande parte do meu planeamento, e eu não poderia ensinar sem isso.

Nelda Taylor

Nelda Taylor

Robótica, Eco Arquitetura e Computação Gráfica e Animações, 7º-8ºano, White Oak Middle School, Porter, Texas

Estou começando meu 25º ano de ensino; Depois de 22 anos de ensino fundamental, este ano será meu terceiro ano de ensino médio. Quando eu fui a uma conferência de tecnologia em fevereiro, ouvi sobre o Classcraft e pensei: 'Uau! Isso seria algo que os alunos realmente estariam interessados ​​em jogar. Quando voltei para casa na sexta-feira, imediatamente fui ao site e comecei a olhar para como jogar o jogo. Na segunda-feira, eu apresentei o jogo aos meus alunos. Quando eu trouxe o site para mostrar aos alunos os avatares e explicar as regras que eu tinha configurado, eles ficaram realmente excitados.

Quando começámos a jogar, notei que não estava tendo tantos alunos atrasados ​​para a aula,nem trabalhos entregues tardiamente, ou trabalhos não iniciados. Os alunos também começaram a fazer muita aula em pares porque queriam os pontos da Classcraft e eles não queriam deixar os seus companheiros de equipa em baixo.As equipas começaram a trabalhar bem juntos até ao final do ano. Este ano, vou ter um prémio para a equipa com mais pontos e o indivíduo com mais pontos em cada classe.

Steve Desfossés

Steve Desfossés

Física 11º ano, Ciência e Tecnologia, Pontuação 8-10, Collège St-Bernard, Drummondville, Québec, Canadá

Na nossa escola os alunos trazem os seus próprios dispositivos eletrónicos ( BYOD: Bring Your Own Device), mas a sua gestão nem sempre é fácil porque os alunos querem estar sempre online para ver o email ou para olhar para as suas contas do Facebook, assim que entram na sala de aula.

A gestão da turma melhorou já no terceiro período em que usei o Classcraft. O comportamento dos alunos melhorou, e o tempo livre no computador agora é uma recompensa pelo bom comportamento. Além disso, os alunos anseiam pelo evento aleatório diário e são pontuais no início das aulas. Ficam ansiosos para trabalhar e ganhar pontos de experiência, assim como em usar seus poderes, como comer na sala de aula.

Eu sabia que o Classcraft era um sucesso quando uma das minhas estudantes me perguntou por que os outros professores não usavam o Classcraft na sala de aula!

Andrew Dobbie

Andrew Dobbie

Assuntos Principais, Tecnologia, Estudos Sociais e Artes, para os 6º e 8º anos, Centennial Sr PS, Peel District School Board, Brampton, Ontário, Canadá

A Classcraft tornou-se parte integrante do nosso programa de sala de aula porque nos ajudou a organizar melhor a sala de aula e me permitiu avaliar as habilidades de aprendizagem no processo. É uma ótima maneira de envolver todos os alunos em atividades divertidas e envolventes, tanto em grupos como individualmente.

Inicialmente, criamos grupos de alunos para ajudar na gestão e organização do material, e da limpeza da sala de aula. O sistema de gestão ocorreu quando alguns desafios resultaram em estudantes que caíam aleatoriamente na batalha. Isto causa muitos danos (geralmente), o que resulta a que muitos alunos sejam atribuídos trabalhos do Book of Lament (por exemplo, conectar dispositivos para carregar o telefone durante o dia, empilhar as cadeiras, preencher a garrafa de água de um amigo). Os alunos nunca se preocuparam com as responsabilidades do Livro de Lamentações porque eram tarefas simples para completar, e todos os alunos, se ajudam mutuamente, para completar estas tarefas de qualquer maneira.

Nós jogamos desafios usando o Classcraft que criamos como uma classe. Alguns dos desafios foram relacionados ao trabalho de preparação de metas ou atividades exploratórias na classe (como ser um membro do grupo ativo). Começamos um desafio de Classcraft, e os jogadores fariam o seu melhor para completar seus desafios (alguns dos quais foram usados também para avaliações de habilidades de aprendizagem). Os alunos nunca foram penalizados se eles tiveram um mau desempenho em um desafio. Eles apenas ganharam menos pontos, mas sempre ganharam até certo ponto. Os desafios de desempenho sempre resultaram em um ótimo diálogo entre pares relacionado à forma de melhorar o desempenho dos alunos na mesma tarefa ou na próxima (prática reflexiva de grupo).

Eu sou um utilizador orgulhoso e embaixador da Classcraft, e estou sempre disposto a compartilhar as minhas experiências com outras pessoas, além de encontrar maneiras inovadoras de usar o Classcraft no futuro.

Jeroen Heremans

Jeroen Heremans

English as Second Language, Dutch, and History, Secondary School Years 3-4, Berthoutinstituut-Klein Seminarie (BimSem), Mechelen, Belgium

Na verdade, não consigo me lembrar como descobri o Classcraft, mas fiquei viciado imediatamente. Eu inscrevi-me e comecei a pensar sobre como usaria o Classcraft nas minhas aulas. Como havia apenas a versão inglesa disponível naquela época, eu decidi usar isso nas minhas aulas de ESL, e nós tivemos uma explosão.

O que acontece é que muitas pessoas me perguntam por que sou um grande fã e respondo sempre com o mesmo motivo: porque me desafiou a pensar sobre o modo como ensino. Quando eu tinha lido os poderes, não estava seguro de usar uma folha de truques, dando aos alunos tempo extra, etc. Mas por que não? Não há razão para que você não recompense os alunos quando eles estão trabalhando duro ... e esses poderes são recompensas REAIS. Sim, eles precisam passar um teste, mas por que não fazê-lo extra motivado ou com um pouco de poder? Ver estudantes silenciosos encontrarem a coragem de falar porque podem ganhar XP extra, ou vendo estudantes a sorrir quando recuperam um bom resultado porque podem perguntar ao professor se eles estavam certos num teste ... esses momentos valem muito, E é o que eu gosto no o Classcraft.

Hoje, sou um embaixador da Classcraft, e estou orgulhoso disso. Trabalhei arduamente na tradução holandesa, e comecei a minha missão a contar às pessoas sobre Classcraft na Bélgica, um país onde há sempre espaço para uma aventura extra! Mesmo uma aventura que não tenha nada a ver com chocolates ou waffles ...

Rebecca Osborne

Rebecca Osborne

Biologia avançada, Anaheim, California

Revisões para exames é sempre é difícil. Embora o desejo de tirar boas notas no exame é um elemento motivador, muitos alunos ficão tão desgastados durante o ano de ensino rigoroso do currículo que perdem no período crítico. Insira Classcraft. Com a introdução deste incrível programa na minha sala de aula de biologia este ano, os alunos tiveram uma energia renovada. A atmosfera durante as sessões de revisões estavam avivadas com entusiasmo competitivo. Eu tinha dois alunos que lutaram o ano inteiro com o material e ficariam frustrados quando não fizeram bem. Segundo eles, a Classcraft tornou a aprendizagem divertida.

para responderem a questões, criando diferentes processos biológicos, usando o quadro branco. Para cada parte, se eles respondessem corretamente ganhavam pontos. No final da aula, a equipa com mais pontos recebeu XP na Classcraft. Meus dois alunos frustrados passaram rapidamente de uma atitude de "Qual é o objetivo", eu não irei bem de qualquer forma "para saltar de seus assentos para ajudar os seus colegas de equipa. E não eram os únicos! A turma estava tão animada que outros professores e administradores que caminhavam pelos corredores pararam e se juntaram na entrada para observar a ação. Escusado será dizer que fiquei absolutamente emocionado.

Um aluno perguntou por que não usávamos o Classcraft o ano todo (acabei de descobri-lo, infelizmente, no final do ano). Outro aluno perguntou se eu iria usá-lo durante todo o ano letivo seguinte, e que eu realmente deveria de usar, se não estivesse pensando nisso. O nível de envolvimento e motivação dos alunos ao usar o Classcraft é motivo suficiente para que qualquer professor tente em sua sala de aula.

André McCann

André McCann

Matemática e Ciência avançada, Fundamental I, Escola Jewel, Aurora do Norte, Illinois, EUA

Sou professor do fundamental II em Aurora do Norte, Illinois. Tentei gamificar minha sala em 2012-2013 mas fiquei atolado por toda a informação coletada. Meus estudantes amaram a ideia, mas não consegui sustentá-la. Quando li sobre o Classcraft, pensei que seria bom demais para ser verdade. Estava procurando por uma plataforma que administrasse a gamificação da sala, e o Classcraft não desapontou. Meus alunos amaram a interface, engajaram-se com os personagens, poderes e eventos diários. Amei o aumento da participação e da motivação entre os alunos.

Enquanto jogávamos nas primeiras semanas, percebi algumas maneiras que o jogo poderia incrementar a aula. A customização oferecida foi extremamente importante. Os estudantes puderam sugerir eventos, e eu pude ajustar a quantidade de pontos que ganhavam em vários momentos. Se não houvesse opção de mudança. podia compartilhar a ideia usando o forum. Muitas ideias apresentadas no forum foram implementadas esse ano. É ótimo ver o valor que os usuários possuem.

As melhorias desse ano empolgaram meus alunos. Os pets e a customização de personagem ajudará o engajamento dos alunos cada vez mais. Estou esperando para ver as melhorias que ainda estão por vir!

Morgan de Polignac

Morgan de Polignac

Chinês, 5º-9º anos, Escola Chevreul, Lyon, França

Ensino Chinês há 10 anos e sempre preocupei-me como com o comportamento dos meus alunos, assim como sua participação em aula e a eficácia de aprendizagem. Também sou instrutores para professores quando eles têm algum problema. Quando descobri Classcraft, pensei: "Isso é um pouco maluco", especialmente em um sistema educacional onde a inovação nem sempre é positivo.

Os resultados excederam minhas expectativas. Ainda estou perplexa com a mudança radical no comportamento dos alunos. Desde que comecei a usar o Classcraft, eles aprenderam a trabalhar como uma equipe e a depender um do outro. Todos querem participar de maneira positiva. Correm para chegar na sala e estão sempre felizes para fazer as tarefas. Sentem que estão envolvidos na aventura. Não veem apenas como um jogo, mas muito mais como diversão e uma maneira positiva de estudar e ajudar uns aos outros enquanto aceitam os riscos e consequências.

A reação dos estudantes foi tão positiva que alguns pais, que eram céticos no início, convenceram-se facilmente. Eles viram seus filhos gastando seu tempo compartilhando conhecimento. Até o diretor da escola quis ver o Classcraft com os próprios olhos.

O progresso não tem preço, considerando o pouco tempo despendido em classe. Estou tão convencida disso que estenderei à todas as minhas turmas. Foi um sucesso tão grande que mesmo alunos que nem conheço querem aprender Chinês e jgoar Classcraft. Essa experiência foi uma ótima maneira de tornar a aprendizagem interessante e divertida, eles nunca ficam entediados.

Joseph Pang

Joseph Pang

MYP Inglês, grau 7, Fairview International School, Malásia (http://en.wikipedia.org/wiki/IB_Middle_Years_Programme)

Descobri Classcraft por acaso a partir de um artigo em um site de jogos. Como um ávido jogador, estou extremamente interessado na integração de jogos de vídeo nas minhas aulas. Minha tese de graduação e pós-graduação foi sobre o uso de jogos de vídeo para ensinar o idioma Inglês. Eu tentei Classcraft na minha sala de aula de Inglês e para minha surpresa as crianças estavam muito animadas desde o primeiro dia até o fim! Minhas aulas tornaram-se muito mais interativas, envolventes e divertidas. Classcraft me permitiu inserir elementos de jogo de interpretações em minhas aulas, e transformaram minhas atribuições, trabalhos de casa, avaliações e testes rápidos em tarefas e missões divertidas. Um dos meus melhores momentos da implementação do Classcraft foi ver um dos meus alunos menos engajados e socialmente afastado trabalhando junto com seus companheiros de equipe para completar missões. Como resultado, eu vi um salto nas classes e na qualidade do trabalho entre os meus alunos. Estou ansioso para jogar com o meu Classcraft com meus outros estudantes. Eu também estou ansioso para orientar CPDs (Desenvolvimento Profissional Contínuo) e introduzir Classcraft para o resto dos meus colegas.